terça-feira, outubro 25, 2011

32 semanas

REPOUSO ABSOLUTO POR 7 DIAS. EXAMES DE SANGUE E URINA.


DEPOIS CONTO MAIS DETALHES; OREM POR NÓS.

sexta-feira, outubro 21, 2011

31 semanas

Como você está:



Você se sentirá desconfortável com o aumento de peso. Talvez sinta falta de ar: o bebê pressiona seu diafragma e os pulmões. Por isso, subir escadas ou caminhar no shopping tornam-se atividades cansativas. A dor nas costas e o cansaço também podem restringir seus movimentos. Se puder, diminua o ritmo de trabalho e descanse sempre que possível. Peça ajuda aos outros e exija menos de si mesma.

O que está acontecendo com o bebê:
 O cabelo do bebê engrossou. Suas unhas estão crescendo e, pouco depois do nascimento, deverão ser cortadas. O cérebro continua em crescimento e já consegue controlar a temperatura do corpo do bebê. Com exceção do pulmão, todos os órgãos vitais estão pronto para o nascimento.

O melhor amigo:

Que tal fazer uma listinha com nomes de pediatras indicados? Pergunte ao seu médico de confiança, a amigos e familiares. Se quiser, pode marcar uma conversa com o pediatra antes de o bebê nascer. O procedimento não é fundamental, mas pode ser útil para começar a estabelecer uma relação de confiança com o médico e aprender a lidar com o filho nos confusos primeiros dias. É bom ter a segurança de saber a quem recorrer quando o bebê nascer.

quarta-feira, outubro 05, 2011

29 semanas

Como você está:
Nesta fase, voltam a existir alguns sintomas desagradáveis do primeiro trimestre, mantêm-se os do segundo e surgem outros novos. O resultado é que você sempre está sentindo algum desconforto, variando entre dor nas costas,cãibraazia, indigestão, cansaço, hemorróidas, etc.

O que está acontecendo com o bebê: 
O bebê está acumulando gordura sob a pele, seu tônus muscular está aumentando e ele está bastante ativo (tanto quanto o espaço lhe permite). Começam a cair os pelinhos, chamados lanugos, que estavam distribuídos por todo o corpo do bebê. Fica apenas a penugem nas costas e nos braços.



O cinto é obrigatório
Agora que sua barriga está grande e redonda, você pode se sentir desconfortável usando cinto de segurança quando estiver no carro. O cinto deve ficar por baixo da barriga (na altura dos quadris) e sobre os ombros, bem ajustado. Ele não machuca o bebê, que está devidamente guardado no corpo, e ainda o protege em caso de acidente.



Cadeirinha de carro
Escolha cuidadosamente a cadeirinha de carro, um dos investimentos mais importantes da futura mamãe. Você vai precisar dela para levar o bebê da maternidade para casa - ele sempre estará mais seguro na cadeirinha do que nos braços de qualquer pessoa. Assegure-se de que o cinto de segurança está prendendo corretamente a cadeirinha. Para bebês pequenos, a cadeirinha deve ser colocada virada para trás, e sempre no banco traseiro do carro.