segunda-feira, maio 30, 2011

11ª semana

Como você está:
Você já deve estar se sentindo bem melhor em relação às náuseas e enjôos. Se ainda não estiver bem, saiba que estes sintomas devem desaparecer em breve e seu apetite irá aumentar significativamente. A sensibilidade e a instabilidade emocional, contudo, continuarão existindo com maior ou menor intensidade até o final da gravidez.


O que está acontecendo com o bebê: 
O feto está bem ativo e se move muito no útero, mas você ainda não consegue sentir tais movimentos. Os órgãos reprodutivos internos estão em formação. Sobre a pele bastante transparente, nascem folículos de pêlo. Os dedos estão separados e as unhas já apareceram. Neste momento, placenta e cordão umbilical estão completamente formados.

A proteção do bebê
O feto fica protegido pelo líquido amniótico. O líquido impede que as paredes do útero apertem o bebê e fornece espaço para que ele cresça e se movimente. É isolante contra o frio e o calor. Mais do que tudo, o líquido age como um amortecedor de colisões. Um soco na barriga da mãe apenas sacode o feto. O líquido amniótico é constantemente reabsorvido pelo sistema sangüíneo da mãe e reposto na bolsa pelas células da membrana amniótica. A cada hora, 1/3 dele é renovado. O feto engole líquido e nele libera urina. Na 12ª semana de gravidez, o volume de água no útero é de meio litro. Na metade da gravidez, 250 mililitros. A presença do líquido é essencial para o desenvolvimento fetal, principalmente para os membros do bebê. 

Sexo não faz mal
Algumas mulheres perdem a libido na gravidez. Outras têm mais vontade de fazer sexo. As alterações hormonais são grandes, mas o que conta é o estado emocional da grávida e do seu companheiro. É bom saber que sexo não faz mal nem à grávida, nem ao parceiro e nem ao bebê. Ao contrário. O útero é irrigado e o bebê recebe um banho de energia. O pênis nunca atinge o bebê, que está protegido pelo líquido amniótico, pela placenta e por um muco que fecha o colo do útero. Mulheres com história de abortos anteriores devem seguir orientação médica sobre como e quando transar. O sexo é contra-indicado quando houver perda de sangue, de líquido amniótico, cólicas muito fortes ou dores vaginais.



 É isso. Meu bebê se desenvolvendo e sendo cada dia mais amado!!

SUSTO

Na sexta-feira passada, dia 27/05, eu comecei a sentir uma dor na lombar. Liguei logo para o obstetra e ele perguntou sobre a urina (estava normal), se eu dormi de mal jeito, li o exame de urnina para ele e pediu que eu tomasse um Paracetamol. Tomei. Melhorou...
No sábado, a dor voltou mas eu não quis tomar o Paracetamol de novo (não sou muito adepta aos remédios). No domingo eu já acordei com dor e passei o dia todo assim. À noite, eu já estava desesperada (não pela dor, mas pelo bebê) e liguei para o obstetra de novo. Contei o que tinha acontecido e ele me mandou tomar o Paracetamol de 8 em 8hs e fosse até ao hospital de emergência que ele faria uma ultrassom e me examinaria. Já dá para imaginar como eu passei a noite né???
Cheguei ao hospital no horário marcado. O obstetra verificou minha pressão, batimentos cardíacos e pediu que eu fizesse um novo exame de urina lá mesmo. Fiz. Resultado negativo para qualquer coisa e ele pediu que eu refizesse outro exame de urina amanhã. Sim, mas e a ultrassom???
"A morfológica só deve ser feita com 12 semanas porque dá para ver tudo. Se eu mandar você fazer hoje não vai adiantar. Não se preocupe porque essa dor não tem nada a ver com o bebê." 
Resultado: não me convenceu. Estou entrando no terceiro mês daqui a duas semanas e NUNCA fiz exame algum que me mostrasse/ dissesse como está o meu bebê. 

Após a decepção, aproveitei para conhecer a sala de parto humanizado onde terei meu bebê. Foi o que salvou o dia, pois estou cismada. O pior é que meu marido não foi comigo e eu tive que ir com mainha e meu irmão ao hospital. Dá pra aguentar???

O que vocês fariam??? Estou pensando em ouvir uma segunda opinião.

sábado, maio 28, 2011

Consulta ao obstetra

Até hoje não tive paciência para contar como foi nossa primeira consulta, mas aí vai:

Ele é adepto ao parto normal (sonho porque aqui os médicos fazem cesáreas como quem compra carne no açougue), de cara já me deu o número do celular para que eu ligue a qualquer hora, conversou sobre tudo, explicou alguma coisa sobre amamentação, e eu, lógico, levei um caderninho com todas as minhas dúvidas. Ele gostou do caderninho e disse que a cada consulta eu voltasse com mais dúvidas.

Aqui foram as que eu fiz nesse primeiro contato:

  • Devo tomar a vacina contra a gripe (na época da campanha)?
Sim. É para gestantes e não tem perigo.
  • Já posso fazer atividade física?
Ainda não. Melhor esperar para depois do terceiro mês.
  • Estou numa crise alérgica e esses são os remédios que estou tomando. Tem algum problema?
O seu dermatologista sabia que você está grávida quando receitou os remédios? Então não tem problema.
  • Como é a preparação para o parto normal?
Quando você estiver com sete meses, começaremos as séries de exercícios específicos para o seu corpo se preparar para o parto normal.
  • Marido e eu podemos continuar com “nossas atividades”?
Sim, não tem problema nenhum.
  • Minha mãe está preocupada porque eu sempre tenho crise de espirros (acima de três, sempre). Tem algum problema?
Não, isso não tem nada a ver com a gravidez.
  • O que eu devo mudar na alimentação?
Nada de embutidos.  Você sabia que refrigerante também é embutido? Nada de fritura, doces, gorduras, enlatados... quando mais viva a sua alimentação, melhor.
  • Posso fazer a dieta do glúten (eu estava com suspeita de intolerância, mas graças a Deus o exame deu negativo)?
Pode, não faz tanta diferença a ingestão dessa enzima.
  • Tenho algumas cólicas fracas na região da pélvis, isso é normal?
Sim, é o seu útero dilatando para acomodar o bebê.
  • Quais os exames que devo fazer? Já posso fazer uma ultrassom?
Glicose, toxoplasmose, HIV, hemograma completo, rubéola, citomegalovírus, HCV, antígeno Austrália e urina. Em relação a ultrassom, não vou pedir agora porque ainda tá muito pequenininho e não vai dar para ver. E não pode fazer muita ultrassom porque faz mal o bebê.
  • Tenho preferência pelo parto normal. E o senhor?
Claro. Eu não concordo com a cesárea desnecessária. Se antigamente toda mulher tinha parto normal porque hoje não tem mais? A gente vai fazer tudo para isso através do acompanhamento mês a mês. E lá no hospital tem uma sala de parto humanizado que você vai gostar muito (o meu sonho era ter meu bebê num local assim). Durante o parto você vai ter acompanhamento de um psicólogo, um fisioterapeuta (para fazer as massagens e trabalhar na bola) e o meu. Sua família toda pode ficar lá na sala. Tem também a bola, a escada, o aparelho para o parto de cócoras e a banheira (eu prefiro na banheira, mas Deus é que vai escolher).
  • Caso eu fique resfriada, como devo tratar?
Muito suco com frutas que tenham vitamina C e Paracetamol.
  • Tenho sentido uma dor fina entre os seios. É normal?
Já? Isso não era para ser agora não, mas é normal sim.
  • E uma sensação diferente no seio esquerdo. O que é isso?
É o seu organismo se modificando com a presença do bebê.

Isso foi só a primeira consulta. Assim que saí do consultório, já comecei a anotar mais dúvidas.

terça-feira, maio 24, 2011

10ª semana

Como você está:
A idéia mais concreta de uma gravidez é a barriga crescendo e o bebê se mexendo dentro dela. Isso já acontece no primeiro trimestre, mas você não percebe. Se não contar que está grávida, será, aos olhos dos outros, uma mulher como qualquer outra. Por isso as emoções nessa fase são marcadas pela ambigüidade - você está grávida, mas não se vê grávida, nem se sente como tal. Os sentimentos são confusos e isso é normal. No plano psicológico, você está começando a assimilar sua gestação e a formar sentimentos e idéias a respeito dela. Tenha calma. Em poucas semanas, você poderá vestir roupas de grávida e respirar aliviada, porque ninguém mais vai achar apenas que você engordou demais. Todos - inclusive você - terão a certeza de que você espera um bebê! Nessa fase, seu útero já dobrou de tamanho e seus seios também estão aumentados. Compre novos sutiãs, dando preferência para modelos de algodão com alças de sustentação que suportem bem o peso dos seios. Nesta fase, é possível que você esteja tendo sangramentos na gengiva, novas cáries e outros problemas dentários. Isso é comum na gravidez e, portanto, é bom você consultar o dentista. Uma alimentação rica em cálcio ajuda a evitar tais problemas.



O que está acontecendo com o bebê: 
Os órgãos vitais já estão formados e, em sua maioria, começando a funcionar. Os olhos, que estavam na lateral da cabeça, deslocam-se para frente. Os dedos já são visíveis, mas ainda estão unidos por uma membrana. O coração está com quatro compartimentos e as artérias assumem sua forma final. O coração do feto bate de 120 a 160 vezes por minuto, quase o dobro da freqüência de uma pessoa adulta. A cabeça é quase metade do feto. 


Exames delicados
Mulheres com mais de 35 anos, com histórico de abortos e filhos com malformações, com problemas genéticos em família ou suspeita de malformações no bebê, podem se submeter a exames específicos para o rastreamento de anomalias no feto. Amniocentese, biópsia do vilo coriônico e cordocentese são alguns desses exames. Por meio deles, é possível analisar, respectivamente, o líquido amniótico, a placenta e o sangue do cordão umbilical. Os exames consistem na retirada de amostras de tais substâncias e, por serem invasivos, apresentam riscos para o feto. A escolha por realizar qualquer um deles, portanto, deve ser criteriosa, bem justificada e decidida em consenso pelo médico e pela paciente.


Fonte: Crescer

sexta-feira, maio 20, 2011

Menina ou menino?

Olá,


Passei ontem por aqui e falei que uma colega minha ficou de fazer o "teste" para saber se meu baby é menina ou menino... assim que cheguei no trabalho..

"É menino viu?". Hã, como assim??? Não é que eu não queira menino, mas fico aflita só em pensar porque tenho a impressão que não vou saber educar.

Alguém passou por alguma sensação parecida???


Meu amor,

Não importa se você é menina ou menino, mas é que mamãe é aperriada assim mesmo... vá se acostumando. 

Mas te amo e isso é o que importa.

quinta-feira, maio 19, 2011

Melhoras

Olá,

Tô passando para compartilhar uma ótima notícia: ESTOU BEM MELHOR!!! Nossa, confesso que estava pirando com essa situação mas, GRAÇAS A DEUS, estou quase boa.


Agora sim, vou poder aproveitar minha gravidez e todas as coisas boas que ela traz.
Ah, uma colega minha disse que uma amiga dela tem uma simpatia para saber se é menina ou menino. Ela anotou meu nome, idade que tinha quando estava grávida e último dia da menstruação. Amanhã ela vai levar o "resultado" rsrsrsrs. Depois eu posto.


Meu amor,

Estou muito feliz por essa benção que é você. Não vejo a hora de fazer a ultrassom para, enfim, lhe ver.

Mamãe te ama muito!!!

terça-feira, maio 17, 2011

2 meses


9 SEMANAS DE GRAVIDEZ



Sua Gravidez: 9ª Semana de gravidez

Caso você nunca tenha tido um diário ou um blog, faça a você mesma um favor e inicie um, hoje! Porque, apesar do fato de que sua gravidez ser literalmente tudo o que você pode agora pensar neste momento, logo que der à luz, você quase não lembrará o que era como estar grávida, exceto talvez aquelas semanas gastas com a cabeça na privada (até agora não estou enjoando). Além disso, manter um diário irá ajudá-la a apreciar todo o trabalho incrível que seus órgãos estão fazendo. Se você vai gastar nove meses realizando um milagre, talvez seja bom documentá-lo. (interessante ver essa dica num site. Nós que já fazemos parte da blogosfera nem pensamos como seria nossa gestação sem nosso blog não é?)

Seu corpo

Nesse momento, você pode parecer mais como uma modelo da Victoria's Secret do que uma grávida. Um dos lados positivos, ou negativos, dependendo do número de sutiãs  que você usava antes, é um peito mais voluptuoso. Habitue-se. Provavelmente, eles ainda vão crescer mais, e isto é ainda antes de ter leite. Seu parceiro pode excitar-se pelo novo formato dos seios.
Contudo, junto de um aumento de tamanho, provavelmente você estará experimentando dor e sensibilidade. É bom dizer para seu marido: "É bonito de olhar,mas não de tocar". Use um sutiã que dê suporte às suas mamas, sem apertá-las, e você sentirá alivio. Sua cintura aumentará também, e você ainda pode apresentar um pouco de azia e empachamento após as refeições. Seu corpo está se adaptando aos hormônios da gravidez; o estrógeno e a progesterona aumentam seus níveis sanguíneos, cerca de 10 vezes os níveis antes da gravidez. Não se preocupe se notar mudanças no mamilo. Quase tudo é normal, mesmo que pareça anormal. Aproveite o novo visual enquanto dura (ou não se preocupe ... não é permanente). Depois da gravidez, provavelmente o busto voltará às proporções iguais à de antes.

Seu bebê

Grandes notícias! Você será capaz de ouvir os batimentos cardíacos essa semana com a ajuda de uma ultra-sonografia, um dispositivo capturará o som do coração do bebê, tuctu. A primeira vez que ouvir coração do bebê, o seu próprio poderá saltitar, é a primeira prova verdadeira de que há alguém crescendo em seu útero! Se você não consegue ouvir os batimentos cardíacos, não se preocupe, o seu médico verificará novamente em apenas algumas semanas.
Outras espantosas evoluções:
  • O bebê está começando a se mover, mas você não será capaz de sentir por algum tempo;
  • No bebê já está crescendo mamilos e folículos de cabelo, embora ainda exista uma chance de você dar à luz um carequinha. O pâncreas, vesícula biliar, canais biliares e ânus estão todos no lugar. A cabeça do seu bebê é a metade do tamanho de seu corpo. A minúscula cauda está a começando a diminuir de tamanho, dando ao feto uma forma mais humana e menos anfíbia;
  • Até agora, todos os fetos têm a mesma aparência "lá em baixo." Esta semana, no entanto, o seu bebê começará a desenvolver a genitália masculina ou feminina. Ainda levará mais algumas semanas até que se possa distinguir com exatidão;
  • Se você pudesse olhar dentro de seu útero, poderia ver que o corpinho está com uma aparência mais humana e que os órgãos, músculos e nervos estão começando a funcionar. Pálpebras estão quase cobrindo os olhos. Até então eles ficaram descobertos. As orelhas estão evidentes e bem definidas. As mãos ficam dobradinhas e se encontram mais ou menos na altura do coração. A cabeça está mais ereta e o pescoço  mais desenvolvido;
  • Nessa fase, o feto está como aproximadamente 1 polegada de comprimento,ou seja, do tamanho de uma azeitona. O peso do seu bebê é de aproximadamente 2 gramas, um pouco menos que uma moeda de um centavo.

Sua vida

Às vezes é preciso ser uma cientista da NASA para compreender os planos de saúde. Se você não for uma, peça ao agente de plano de saúde, ou alguém do RH de sua empresa, para explicar sua cobertura.
De acordo com a lei 9656/98, a carência para parto é de 10 meses, a partir da data de assinatura do contrato. Isso quer dizer que a associada do plano deve esperar, no mínimo, dois meses para que a data do parto fique fora do tempo de carência. No entanto, se você engravidar antes, o plano cobrirá todo o tratamento de pré-natal e os exames necessários, mas o parto deverá ser pago pela associada. Isso vale também para quem já estiver grávida e quiser contratar um plano de saúde. Nesse caso, o mais interessante é negociar o parto diretamente com o hospital da operadora, por ser cliente, talvez consiga um preço especial.
Você sabe aquele vestidinho preto que você ama, mas não tem muita chance de usá-lo? Planeje um jantar romântico com o marido e use-o, antes que seu corpo assuma uma forma um pouco mais arredondada e não consiga entrar naquele vestidinho tão amado.
Comece a planejar o seu novo visual. Roupas mais largas e confortáveis são bem-vindas de agora em diante. Fique de olho no seu ganho de peso, um quilo por mês é uma boa margem de se manter.

O que você está pensando...

"Eu tenho aparência de grávida, parece sim que eu dei uma ... ... ahâ...turbinada!"

Faz bem comer...

Cereais, biscoitos (água e sal) e as torradas são boas opções para o café da manhã, auxiliando a minimizar os enjoos. Ingerir muito líquido nos intervalos das refeições precisa ser um hábito da mulher que pretende se livrar do mal-estar. Porém, durante as refeições, a ingestão de sucos e de outros líquidos pode contribuir para a ocorrência dos sintomas.
As frutas caudalosas são boas aliadas. As mais ácidas (laranja, limão, kiwi, abacaxi), auxiliam no alívio da sensação de náusea. Chá de gengibre é indicado para combater náuseas e vômitos e seu consumo é permitido para gestantes.

É bom saber...

As náuseas fazem-se presentes e gengiva ainda está muito sensível por isso. Então, procure seu dentista para descartar a possibilidade de uma gengivite. Uma boa dica para acabar com o excesso de salivação, caso ainda ocorra, é alimentar-se de 2 em 2 horas e, entre as refeições, comer alguma fruta cítrica.
As futuras mães podem apresentar problemas dentários, associados à falta de cálcio no organismo. Hoje se sabe que acontece uma alteração na saliva das gestantes por causa dos hormônios, provocando cáries e sangramentos gengivais.

Futuro papai

O assunto é atividade sexual. Muitas mulheres têm uma alteração do desejo sexual durante o primeiro trimestre. Isso é devido, em parte, ao mal estar matinal. Por outro lado, outras mulheres, longe do controle de natalidade, tem um aumento significativo da libído, ficando quase insaciáveis. Em ambos os casos, trata-se de normalidade.

E você? Os pais também podem experimentar uma alteração de desejo. Com o aumento do volume mamário, o homem pode se sentir como um garoto de 16 anos, atraído por aqueles seios bojudos. Mas, ao mesmo tempo, preocupa-se em machucar o bebê durante a relação, ou fazer um movimento que possa prejudicar a gestação. Fale com o médico para aliviar seus medos.
A mãe pode não estar no mesmo pique, ou vice-versa. Novamente é preciso entender que os hormônios provocam certa instabilidade emocional. Ora ela está eufórica e bem; ora se sente deprimida e chorosa. Se os dois estão bem humorados, aproveitem! Caso contrário, tentem entender e, juntos, conversem a respeito do seus estados de espírito. Fale com a companheira acerca de suas preocupações.


Dermatite atópica

Olá,

Estou sumida do meu espaço tão amado, mas ainda não estou boa da crise de dermatite.

O bebê está ótimo, saudável, mas a mamãe... Fui a outro médico para ver se ele me ajuda.
Vocês não imaginam a reação do médico (detalhe: ele é professor da universidade): ele ficou p-a-s-s-a-d-o!!! Ele ficou sem saber o que falar para me acalmar!!! Ele me examinou, fez alguns exames e, pelo grau da dermatite (tem 3: baixo, intermediário e alto. O MEU ESTÁ ALTO!!!) ele fotografou as lesões. Isso mesmo, ele fotografou para apresentar aos seus alunos por conta da situação.
Bom, o tratamento é com pomada e isso o preocupa bastante por que ele teme não faça o efeito esperado e, só posso usar pomada por conta da gravidez. Mais uma vez perguntei se o bebê corre risco e ele falou que, se o bebê tiver a dermatite (EM NOME DE JESUS ELE NÃO TERÁ) isso se dará por fatores genéticos e não pela  minha crise atual. A questão é que eu fico nervosa e, isso sim, atinge o bebê : (
.
É isso!!! Tenho retorno marcado para o dia 24/05 e o médico fará uma nova avaliação.

Peço a todos que, se puderem, orem por mim e pela minha gravidez. Toda oração é benvinda e, quanto mais vozes, mais rápido minha cura chegará.

Meu amor,

Não se preocupe, nada disso te atingirá. A mamãe está assim, mas você está bem guardadinho aqui comigo. Daqui a 7 meses você está em meus braços e nem lembraremos mais desses momentos de angústia.

Mamãe te ama.

sábado, maio 14, 2011

Mês a mês

Olá meninas,




Ontem "minha barriga" completou 2 meses. Ai, agora só faltam 7. Tenho tido muita fome, mas não de comida, só de besteira e sono. Muuuuuuuito sono!!!


Foto que tirei ontem para registrar.